​Está com preguiça de sair de casa? Vá ao museu sem sair do sofá Lifestyle

Se você não quer deixar o aconchego da sua casa, mas, ao mesmo tempo, a vontade de fazer um

programa cultural não passa, gostaríamos de propôr uma visita a uma série de museus sem sair do sofá – com a ajuda do Google Art Project.
A Qwintry Find lhe apresentará cinco museus americanos muito interessantes, que permitem fazer um tour virtual a qualquer hora do dia ou da noite.

MoMa

O Museu de Arte Moderna de Nova York (MoMa) está localizado em um dos lugares mais importantes para o mundo das exposições de arte contemporânea de diversas correntes e estilos. É interessante observar que as obras desse museu possuem um certo período de validade: quando elas mudam de classificação, passando de arte contemporânea para clássica, automaticamente mudam de endereço, indo para o Metropolitan Museum of Art.

Caminhando pelas salas virtuais do museu, você pode observar detalhadamente as fissuras dos clássicos da pintura, como “Noite Estrelada” de Van Gogh e “Ainda vida com três filhotes” de Paul Gauguin.

Metropolitan Museum of Art

Um museu clássico, referência para a maioria das outras obras de pintura e arte. As exposições compreendem mais de dois milhões de obras e crescem incessantemente. Além dos clássicos da arte ocidental, no múseu há também exibições dá África, da Oceania e do Antigo Oriente. No local há uma sala de armas, onde funciona o Instituto das Fantasias.

Na galeira virtual você poderá encontrar quadros de Monet e Botticelli, bem como brasões de príncipes austríacos e máscaras africanas.

Museu Guggenheim

Aqui você poderá encontrar outra coleção de arte moderna muito legal, localizada no famoso edifício da Quinta Avenida e que, provavelmente, você viu nos filmes "Homens de Preto" e "Quando em Roma".

Na coleção on-line do Google você pode não apenas passear pelas salas e observar obras que, como é típico dos artistas de arte moderna, possuem nomes fantasiosos (como "O inimigo do meu inimigo: monumento ao monumento"), mas também observar duas exposições completas.

Museu Getty

O magnata californiano do mundo do petróleo, Jean Paul Getty, era tão apaixonado por arte moderna, que para a fundação desse museu deixou muitos bilhões de dólares. Com esses recursos, os funcionários do museu compraram tantas obras de arte, que os demais museus começaram a se queixar de que nada iria sobrar para eles.

Na corrida por uma coleção perfeita o museu utilizou-se, até mesmo, de contrabando. Em 2006, estourou um escândalo relacionado à importação ilegal de obras de arte antigas, que tiveram que ser devolvidas para a Itália. Contudo, o que restou é mais do que o suficiente para realizar inúmeros passeios virtuais interessantes.

Street Art de Nova York


Se você gosta de grafite e considera que ele embeleza as ruas da cidade, vale a pena passear por essa exposição. Nessa coleção on-line estão disponíveis 216 obras de arte. Mas se você achar que isso é pouco, é possível entrar na página do projeto "Street Art Global" ou escolher uma das coleções de outros países.

Gostou do artigo? Compartilhe com seus amigos!

14 março 2016, 21:28
comments powered by HyperComments